Tráfego das redes sociais influencia os rankings no Google?

A pergunta que todos fazem: o tráfego das redes sociais influencia os rankings no Google? A resposta é simples: sim. Na mesma medida que outras acções podem ou não influenciar. Porém, ao mesmo tempo, a resposta é: “Não” – possivelmente não da maneira como pensava.

Ou seja, sim é possível influenciar rankings orgânicos através de redes sociais, não significa que aconteça simplesmente por partilhar algo. É um pouco mais complexo do que isso, mas ao alcance de todos. Pelos menos em teoria.

E este texto irá ajudar as equipas de SEO a apoiarem acções de “Influencers” e a olharem para estas campanhas de uma forma diferentes.

Como melhorar os rankings no Google através das Redes Sociais?

  1.  Conteúdo viral
  2. Links para a página (ou folder) que quer melhorar
  3. Rezar para que o assunto seja mesmo viral

Ok, nada é assim tão simples. Mas, ficou bem resumido.

Como é que tecnicamente funciona? Na verdade, o Google não lê os  “sinais sociais” das redes sociais, como Facebook, Twitter ou outro… Ou seja, ter mais gostos, mais partilhas ou mais comentários não irá dar sinais ao Google de que o seu conteúdo deve ranquear melhor.

O sinal mais forte é, porém, indirecto: visitas. E visitas geram mais visitas, até que o assunto deixa de ser viral e aí o Google olhará mais para o Bounce Rate das visitas orgânicas. Perdidos? Vamos fazer um esquema:

Pediu a um “influencer” para publicar um vídeo no Youtube a experimentar um produto novo da sua empresa. Ele deixa um link no Youtube, menciona o produto e a marca.

Agora imagine que o público do seu “influencer” adorou aquele vídeo e em 24horas já leva meio milhão de visualizações. A chance de os utilizadores começarem a clicar no link é grande, aumentando as visitas ao seu site. Mas, muitos irão ao Google procurar pelo produto (com ou sem o nome da sua marca)… eles não irão clicar em outro resultado que não seja a sua marca, pois sabem o que querem. O CTR da sua página para aquelas “queries” vai crescer e com isso a posição na SERP.

Mas há mais, se aquele link no YouTube teve tantos cliques é porque é um “bom link” e o Google irá analisá-lo de uma maneira m,elhor, aumentando um pouco a sua autoridade, até porque estes links são no-follow e, em teoria, não passariam qualquer autoridade.

O que aumentou também? As procuras pela sua marca. Aumentando o volume de procura pela marca está a dizer ao Google que a sua marca é valiosa e todas as suas páginas irão receber um “bónus” por isso. Sobre este tema sugiro este texto do “Moz”: Rankings Correlation Study: Domain Authority vs. Branded Search Volume

Tenho que utilizar “Influencers” para conseguir esses resultados?

Não! Qualquer conteúdo (vídeo, imagem, texto) que gere visitas para o seu site pode desencadear o mesmo efeito. Descobri tudo isto involuntariamente quando um post no Facebook se tornou viral e a página em questão passou da segunda página do Google para a segunda posição orgânica em 2 semanas.

Actualmente, essa página está a ranquear em 5 para a KW em questão. Uma keyword com Search Volume superior a 100.000 procuras mensais em inglês.

Como gerar tráfego para o meu site?

Crie um blog com conteúdo informativo – upper funnel – para manter a sua audiência actualizada. Pode utilizar o Blog para landing page de campanhas, aumentando o “Backlink Profile” deste “folder”.

Tenha cuidado para não criar conteúdo duplicado. Se o fizer, a criação de um blog poderá trazer mais problemas que benefícios.

  • Páginas de Campanhas

O nosso artigo sobre Páginas de Campanha dá algumas luzes sobre como conseguir impulsionar o tráfego com estas páginas.

  • Redes Sociais

Tenha perfis nas redes sociais onde está o seu público-alvo. Se eles estão lá, talvez você também devesse estar.

Facebook
Twitter
YouTube
Instagram
Pinterest
Reddit
Foruns

  • Email

O Email marketing continua a ser uma boa forma de manter a sua audiência actualizada e uma excelente forma de gerar visitas.

A Equipa de SEO deverá trabalhar com a Equipa de Brand?

Sempre. O tráfego directo é um dos principais factores de ranqueamento. Seria um desperdício ter as duas equipas a trabalharem em estratégias diferentes.

Todas as estratégias de PR, Redes Sociais, Marketing Offline têm capacidade para melhorar os resultados orgânicos. Para quê trabalhar em separado quando os resultados são bastante melhores quando se trabalha em conjunto?

O Marketing de Conteúdo é um dos pilares do SEO.

Vamos testar?

Partilhe este artigo nas suas redes sociais (nós agradecemos desde já!) e se atingirmos valores de partilha suficientes para termos um “case”, partilharei aqui todos os números e resultados.

Se estiver interessado em receber os resultados no seu email, por favor contacte: info@seoportugal.net

Queria ser Jornalista, mas fugi para o Marketing e dei por mim a trabalhar como SEO. Em agência ou in-house, já trabalhei com projectos do Spotify, Telepizza, Amazon, Hostelbookers, Hostelworld, 360imprimir ou EF Education First. Sonho um dia ainda voltar a Portugal e viver do Marketing Digital. Fundei a SEOPortugal para ajudar a divulgar o SEO e partilhar algum conhecimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *